PAE - UM RECANTO DE PAZ

UM REDUTO DE PAZ DE "MARIA DOLORES"

sexta-feira, 30 de março de 2018

O excesso de rigor na Doutrina Espírita ...o rigor desencoraja, afasta e irrita.(ESE X,16)



Dona Maria, amorosa avó, mãe extremada, esposa dedicada, irmã exemplar e cidadã digna, tornara-se espírita e frequentava a Comunhão Espírita Cristã. Apesar do pouco tempo, uns dois anos de doutrina, dedicava-se ao estudo e à prática evangélico-espírita com responsabilidade.

Numa noite, antes do início dos trabalhos doutrinários, dona Dalva Borges, presidente da casa, aproximou-se da confreira e lhe disse:
- Dona Maria, é para a senhora ir para a câmara de passe e trabalhar na aplicação do passe magnético.
A distinta companheira assustou-se e, disse:
- Eu?! Eu não. Sou iniciante no Espiritismo.
- É, mas é para a senhora ir aplicar passes. Se não quer, então vá falar com o Chico, porque foi ele quem lhe mandou esse recado.
Dona maria encaminhou-se até o Chico Xavier e falou:
você quer que eu aplique passes magnéticos? Mas, eu sou novata no Espiritismo. Eu posso?
- Pode sim, por que não? - respondeu-lhe o médium.
- Mas Chico, eu nem sei transmitir passe.
O experiente intérprete dos bons espíritos, falou então para aquela responsável irmã:
- Ora, dona Maria, quando a senhora impuser suas mãos sobre as cabeças dos necessitados de energia salutar e fizer uma prece, os Espíritos farão o que for necessário.
- Bem, se é assim, eu vou - respondeu a irmã mais confiante.
Desde aquela noite, a responsável médium passou a fazer parte da equipe mediúnica dos passes magnéticos da Comunhão Espírita Cristã.
Junto de nós alguém lembrou: "Existe no movimento espírita grupos que só aceitam os médiuns com longas preparações em cursos especiais, e daí, como ficamos?
De nossa parte pensamos: se uma pessoa com os predicados morais de dona Maria não estiver apta a trabalhar em passes de cura, quem é, então, que estará? É preciso muito discernimento por parte dos dirigentes. O excesso de exigência nos faz lembrar Kardec, no livro "O Evangelho Segundo o Espiritismo", no capítulo X, 16: "...o rigor desencoraja, afasta e irrita."

Livro: Chico Xavier - lembranças de grandes lições
autor: Cezar Carneiro de Souza
foto: o autor do livro com o nosso Chico