PAE - UM RECANTO DE PAZ

UM REDUTO DE PAZ DE "MARIA DOLORES"

quarta-feira, 22 de julho de 2015

Histórico das CONBRAJEs – Confraternização de Juventudes Espíritas

Antonio Cesar Perri de Carvalho (*)

A postulação inicial para a realização de evento jovem reunindo a região centro do país ocorreu durante a Reunião da Comissão Regional Centro do Conselho Federativo Nacional da Federação Espírita Brasileira, nos dias 15 a 17 de maio de 2009, em Brasília. Na reunião plenária do evento, realizada na sede da Federação Espírita do Distrito Federal, o representante do Departamento de Infância e Juventude da Federação Espírita do Estado de Goiás Eduardo Vieira explicitou uma proposta neste sentido. Os integrantes da mesa – presidente da FEB Nestor João Masotti, vice-presidente Altivo Ferreira e o secretário geral do CFN Antonio Cesar Perri de Carvalho – manifestaram-se, em tese, favoráveis à realização de um estudo sobre tal proposta e consideraram a histórica experiência exitosa das Concentrações de Mocidades Espíritas do Brasil Central e Estado de São Paulo (COMBESP), efetivadas entre 1948 e 1966. Aliás, os três citados integrantes da mesa participaram do referido conclave. Este evento teve muita importância no estímulo para a valorização de novas lideranças.1

O entusiasmo dos jovens da FEEGO se fez presente também quando uma caravana de 25 jovens, coordenada por Eduardo Vieira, diretor do DIJ daquela Federativa visitou a reunião do CFN, na sede da FEB, no dia 7 de novembro de 2010. Na oportunidade foram saudados pelo presidente da FEB, apresentados pelo presidente da FEEGO Aston Brian Leão, e o citado diretor do DIJ saudou o CFN. Também foram entusiasticamente saudados por vários membros do CFN.2

Por decisão do Conselho Federativo Nacional da FEB, em sua reunião de novembro de 2010, foi definido que “o tema juventude espírita deve ser amplamente analisado, levando-se em consideração os aspectos sociológicos, psicológicos, antropológicos e educacionais dos tempos atuais e suas relações e impactos com o Movimento Espírita; o tema será discutido na reunião dos dirigentes das Comissões Regionais já em 2011...”2

Na Reunião da Comissão Regional Centro do CFN da FEB, realizada em Vitória de 27 a 29 de maio de 2011, já se iniciaram os preparativos para a realização do então designado “1º Encontro de Juventudes Espíritas da Comissão Regional Centro”, apresentado pelo DIJ/FEEGO, o que foi aprovado na reunião dos dirigentes.3 Em seguida, em nível da Área de Infância e Juventude do CFN da FEB e presidência da FEB definiu-se uma designação genérica para tal evento, acrescentando-se o nome da região, por exemplo: Confraternização Brasileira de Juventudes Espíritas – Centro.

Finalmente, o evento inicial – a CONBRAJE-Centro - ocorreu na cidade de Goiânia, com patrocínio do CFN da FEB e apoio da FEEGO, em Goiânia, nos dias 30 de maio a 2 de junho de 2013. Compareceram ao conclave cerca de 400 jovens representantes das Entidades Federativas Estaduais do Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Tocantins e também coordenadores de infância e juventude das Federativas de outras regiões do país. Na abertura ocorreram saudações do presidente da FEB, do secretário geral do CFN da FEB, do secretário da Comissão Regional Centro do CFN da FEB e dos dirigentes ou representantes das Federativas citadas. O tema central “Senhor, que queres que eu faça?” foi desenvolvido de maneira dinâmica com oficinas de trabalho, palestras e apresentações teatrais e musicais. Houve ambiente de muito entusiasmo por parte dos jovens presentes. Atuaram como expositores Sandra Maria Borba Pereira (RN) e o presidente da FEB, Antonio Cesar Perri de Carvalho.4

Como reflexo imediato, poucos dias depois, durante a 6ª. Marcha Nacional Em Defesa da Vida – Brasil sem Aborto, realizada em Brasília, estavam presentes jovens ligados aos DIJs da FEB e da FEDF, os quais nos procuraram e comentaram: “Isso é efeito da CONBRAJE!”.

Nas reuniões das Comissões Regionais do CFN da FEB, durante o ano de 2014, já se definia a realização das CONBRAJEs Sul e Nordeste, respectivamente, nos Estados de São Paulo e Pernambuco, para o 2º semestre do ano de 2015 e uma proposta inicial para a CONBRAJE-Norte, para o ano de 2016.

O conjunto desses eventos juvenis e o protagonismo juvenil explicitado no documento “Diretrizes para ações da juventude espírita do Brasil”, aprovado na reunião do CFN da FEB, em novembro de 2013, poderão contribuir significativamente para a dinamização das juventudes e a integração delas no Centro e no Movimento Espírita.5

Fontes:
1) Carvalho, Antonio Cesar Perri. Juventude espírita: antecedentes históricos e primeiros tempos. Revista Internacional de Espiritismo. Edição de julho de 2015.
2) Ata da Reunião Ordinária do Conselho Federativo Nacional realizada em Brasília. Reformador. Edição especial de maio de 2011.
3) Reunião da Comissão Regional Centro. Reformador. Edição de agosto de 2011.
4) Confraternização Brasileira de Juventudes Espíritas – Conbraje. Reformador. Edição de julho de 2013.


(*) – Foi secretário geral do CFN da FEB de 2004 a 2012 e presidente da FEB entre 2012 e 2015 (entre interinidade e como efetivo).