PAE - UM RECANTO DE PAZ

UM REDUTO DE PAZ DE "MARIA DOLORES"

quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

NOTÁVEIS SÁBIOS: PLATÃO E ARISTÓTELES

Fernando Rosemberg


De todos os tempos da humanidade, os grandes sábios, e, justamente por sua sabedoria, sua vasta inteligência, nobreza de espírito, ética e valores outros de sua espiritualidade, concluíram pelo lógico existir de uma Inteligência Ordenadora de Tudo no Universo físico e astronômico de nossa morada e de nossas mais sérias cogitações.

Vejam o que extraímos de dois grandes sábios da antiguidade – Platão e Aristóteles - na Wikipédia – a enciclopédia livre:

“Existe uma ordem admirável no Universo que é facilmente verificada; ora, toda ordem é fruto de uma inteligência ordenadora, e, pois, não se chega à ordem pelo acaso e nem pelo caos, logo há um Ser inteligente que dispôs o Universo de forma ordenada. Com efeito, aquilo que não tem conhecimento não tende a um fim, a não ser dirigido por algo que conhece e que é inteligente, como a flecha pelo arqueiro. Logo existe algo Inteligente pelo qual todas as coisas naturais são ordenadas ao fim, e a isso nós chamamos Deus”.

“Há uma ordem em todos os seres; o menor vegetal, por exemplo, tem órgãos para cada função ordenados para a preservação da espécie. Esta ordem pressupõe uma Inteligência Ordenadora, pois a ordem não vem do caos e nem do acaso. Da mesma forma as letras de um livro não são colocadas ao acaso. Logo a Ordem existente no Mundo prova a existência de uma Inteligência que ordenou todas as coisas nos mínimos detalhes. É necessário que exista uma Inteligência Suprema que tenha ordenado o Universo criado”. (Vide: Wikipédia).

Melhor não diria o Espiritismo – Doutrina dos Espíritos Superiores, até porque, Platão fora um dos sábios colaboradores do mesmo na face terrena.

E quem poderia dizer que Aristóteles também não participara de tal ordem de coisas, uma vez que fora discípulo de Platão?

Por outro lado, é fácil inverter a ordem das coisas com falácias de uma mente rebelde, soberba e insensata, que duvida de Deus e da Ordem de todas as coisas quando é muito mais fácil concluir pela evidência de que Deus é o Ordenador de Tudo, além de ser sensível por mim, por você, por todos nós, tal como a marca do obreiro em sua obra, e que, por tal mesmo, não excluiria a nenhum de seus filhos que sabem da existência do Pai por sua Consciência mesma, como também pela grandiosidade espetacular de sua obra universal.

Aos que duvidam de Deus pedimos:

Uma vez que sois incapazes de produzir, por exemplo, um grande Orbe estelar, tal como a Terra mesma, ou, o seu satélite lunar - já que são tão imensos, de tão grande peso e de uma matematicidade incrível - façam algo menor, ou seja: um corpúsculo atômico; mas apenas e tão somente: um átomo, seu núcleo e sua constelação de elétrons, e já me darei por satisfeito de vossa tão imensa capacidade.

E pensar que este Deus, de que duvidais, o criou: ou seja, você mesmo: homem orgulhosamente incrédulo: com este complexo biológico fantástico dirigido por algo mais complexo ainda: a Consciência.

NO MAIS, UM GRANDE ABRAÇO A TODOS:

Fernando Rosemberg Patrocinio
Blog: filosofia do infinito, ou, como queiram:

http://fernandorosembergpatrocinio.blogspot.com.br